segunda-feira, 4 de fevereiro de 2013

sem passado

vez ou outra é necessário consultar o baú das coisas que não se vão pra que a gente possa seguir em frente sem retalhos de passado espalhados pelo chão. ele é o primeiro homem que eu amo completamente, sem mapa, sem bussola, sem passado.

Nenhum comentário:

Postar um comentário