sexta-feira, 31 de julho de 2009

nada que é dor dura em mim. nada que não tenha cor. um dia é suficiente. tudo se lava, com o sabão dos olhos de criança.

2 comentários:

  1. Sobre as dores da alma, um tchau e até nunca mais =)

    ResponderExcluir
  2. até breve, eu diria. as dores fazem parte desta minha alegria. elas são passageiras. sim. mas essenciais pra fazer inundar sorrisos no dia seguinte.

    ResponderExcluir