domingo, 31 de maio de 2009

enquanto ele não vem...

o maior desejo era o encontro. era algo grande, feito tamanho gigante. ocupava tanto espaço que deixava cair vontades que disfarçavam a pequenez. o encontro ocupava o centro, era o foco, estava no palco. tinha todo o glamour de uma cena preparada para mãos produzindo aplausos. mas faltava muito sol e lua. tinha que esperar o tempo deles. e ela se perguntava se ninguém percebia o tempo dela. irritava sempre ter que esperar a velocidade dos ponteiros e não a própria. esta é a causa de todas as outras coisas. foi culpa da natureza a menina começar a colocar cimento nos muros de vento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário