sexta-feira, 1 de maio de 2009

sinto raiva porque a saudade dele não é tão eufórica quanto a minha...

3 comentários:

  1. A distânica aumenta em dez milhões de vezes as coisas, e a saudade, descobri é mais um droga, corroi, distorci e vicia, alias na farmacia já deve ter, generico por favor.

    ResponderExcluir
  2. "se igual for o afeto, igual será a saudade"

    ResponderExcluir
  3. ah... se houver o tal genérico eu irei derramar um excesso de egoísmo pra acumular toda a medicação ao meu redor.

    e querido anjo com nome de Marcus... é exatamente assim... se uma a mão apertar a outra com a mesma força a falta de ambos irá ocupar o mesmo espaço... acontece que as vezes que uma grita e a outra silencia... só é preciso perceber que o silêncio faz um escandâlo bem maior do que toda a euforia...

    ResponderExcluir