terça-feira, 19 de outubro de 2010

mundo paralelo

e se eu me escondo, não é de você, mas de mim mesma... as vezes vou parar nesse meu mundo paralelo. e lá é tão apertado, não cabe ninguem, nem eu mesma. lá também é muito distante e por mais que você pense me avistar, eu estarei muito longe de qualquer alcance seu. aos poucos estou tentando abrir um pouco mais de espaço, mas não pra convidar você, é para eu conseguir ficar mais tempo por lá, e quem sabe um dia morar por lá.

3 comentários:

  1. ta estranho assim... mas eu entendo.

    qndo vamus nos ver?

    ResponderExcluir
  2. Samis, que bom fazer gostar de pingos espalhados assim pela tela. Volte sempre por aqui...

    e Anônimo, eu sei bem quem você é, e sei também que você me lê, não só as letras, mas meu corpo em movimento. me saber entendida alivia um pouco esse meu esconderijo, mas não o torna diferente. eu tenho medo de ver você, porque olhando nos olhos seus eu vejo coisas que não deveria ver. talvez um dia eu me torne cega o suficiente pra enxergar você sem contornos meus...

    ResponderExcluir