sábado, 4 de abril de 2009

achei que era impossível. mas vejo aqui alguém mais exagerado do que eu. sendo assim acaba por me esconder. porque ele já ama demais. ama por mim e por ele. e pela primeira vez eu me vejo recebendo... e colocando tudo em caixinhas de memória.

Nenhum comentário:

Postar um comentário