quinta-feira, 27 de outubro de 2011

a real boniteza

a beleza dele não estava na tela da tv, tampouco nas capas de revista, também não poderia ser capturada pelos flashes, a beleza dele não era resultado das tantas academias, definitivamente não era uma beleza comprada, a beleza dele exalava o cheiro da pele, seu corpo não se fazia cabide das vitrines, e sua fala era preenchida por um estilo de vida condizente aos desejos, não reconheci a sua boniteza de imediato, as vezes acabo reproduzindo a cultura que me envolve, mas não demorou muito para eu descobrir naquele menino um tanto quanto fora dos padrões estéticos o meu melhor modelo de beleza, oh menino bonito esse, viu?

Nenhum comentário:

Postar um comentário