quinta-feira, 27 de outubro de 2011

visão dos poros

certa vez conheci uma menina que quando queria enxergar passeava a pele pela textura dos objetos, conhecendo suas superfícies, ela guardava as cores, formas, conteúdos nos poros, eram eles que construíam pontes para além da visão, a menina se preocupava pouco com as imagens passíveis de molduras guardando fotografias, a menina adentrava nas curvas, na música de cada um, nos movimentos despercebidos, na velocidade da respiração, a menina capturava sentidos, a menina, literalmente, não enxergava as aparências, diziam que ela era cega, mas com certeza não sabiam que existem várias formas de visão.

Nenhum comentário:

Postar um comentário