terça-feira, 12 de agosto de 2008

quatro

Somos quarteto. De lá onde se fala uai. Quatro cores. Quatro desejos. Quatro maças. Um sentimento. Várias mãos em movimento. Pouco sono. Muitos sonhos. Explosões. Quebramos paredes. Desfazemos muros. De mãos dadas. Entre as faíscas de Camila há toda a brisa de Tatiana. Michele vem devagar pra soprar com sorrisos a chama. Cor-de-rosa. Elas também enxergam palcos nas ruas. Tudo bem que Michele fique mais na platéia... a gente bem precisa de alguém pra nos olhar. Tatiana se perdeu no meio de tanto açúcar... se espalhou quando Camila passou e fez tudo mudar de lugar. Ah! Ainda bem que Michele estava lá pra dar colo e olhos. É assim. Dois mais dois. Três mais um. Sempre quatro!

Nenhum comentário:

Postar um comentário