domingo, 4 de janeiro de 2009

coisas dele

o vejo brigando por coisas que ele acredita e fico fascinada. como ele ainda pode ser assim num espaco tao relativizado. ele se guarda de um dos lados da linha. sabe dele. e enquanto ele sabe tanto dele eu me vejo mais uma vez perdendo a mim mesma. perdendo-me dentro dele. pra ele.

3 comentários:

  1. vai ver que ele sabe menos dele do que vc imagina...

    ResponderExcluir
  2. ele é gato ne?
    só pode ser.... hahahah
    lindo, lindo.

    ResponderExcluir
  3. hum... sera que foi ele mesmo que respondeu?

    e Marcos, eu nao sei falar muito de beleza exterior nao. eh que eu nao costumo olhar muito para peles lisas. eu gosto eh de arrancar a alma e ver a cor que tem. vamos ver se havera mesmo beleza... desta beleza eu sei falar.

    ResponderExcluir