domingo, 25 de janeiro de 2009

sinto como se tivesse que desligar o telefone depois de horas de silêncio apenas ouvindo a respiração dele...

Um comentário: