segunda-feira, 5 de maio de 2008

mensagem da passarinha

este foi o primeiro e-mail que li quando eu cheguei... e eu só desejei que a minha janela fosse a mesma do meu quarto... amo você minha passarinha...

"Não vejo a hora de vc chegar em seu destino e ler meu e-mail.
Posso sentir o que se passa pelo seu coração e a sua ansiedade para viver tudo da forma mais intensa possível.
Quero saber cada sensação deste vôo! Desde o embarque ao desembarque. Todos os destinos, pessoas, lugares, momentos.
Porém, há algo neste vôo que você não viu. Momentos de gargalhadas de lágrimas. O momento em que apenas alguns vidros, paredes e desgraus separavam você de nós: sua família e amigas!
Logo que entrou na sala de embarque, um silêncio de lágrimas tomou conta do corredor. Eu, Tati, sua mãe, irmã e tias chorávamos.. Outros tinham na face o desenho do medo, da saudade, da angústia e do amor. Tal como seu pai, Camis, primas...

Seguimos seus passos até desaparecer de nossos olhos. Depois fomos para uma área observar o seu embarque. Tivemos a tristeza de ver apenas um avião e um túnel de entrada. Mas, vimos sua mala. Aquela fita rosa voando para novos áres.
Fiquei me perguntando se o vidro que fechava a sala que observávamos o avião era preto ou transparente rssss... Será que ela nos vê? Será que ela vê cada lágrima de saudade e amor que escorre por esses vidros. As mãos que deslisão por eles, a espera de um sinal.
Imaginei que fosse mesmo preto. E o meu plano de escrever Débs com giz nele foi por água a baixo. rssss
Contamos cada mala que foi colocada no avião. Além disso ficamos falando de sua volta rsss E de nossa ida ao seu encontro. Ow man, só se for pelo México, pobre como sou!!!!!!

Enfim, o avião se preparou para alçar vôo. Todos o seguiram com os olhos. Tiramos uma foto com o avião de fundo... rssss.. E nos fizemos presentes em seu coração através de nossos pensamentos.
O aviâo ligou as turbinas. Contornou a pista e começou a acelerar.... Alçou vôo e foi desaparecendo entre as nuvens.
Naquela sala ouvia o silêncio de lágrimas, a dor da saudade na face de cada um e o sentimento de alegria por estarmos ao seu lado na busca desse sonho!
Pela primeira vez ví claramente uma lágrima escorrer dos olhos do seu pai, pois até então, tinha visto uma face abalada pela dor de entregar ao mundo uma filha. Ele encostou o rosto no vidro e chorou de forma singela, em silêncio.. Acompanhou o avião com as mãos e, enfim, confortou sua mãe e irmã em seus braços.

O avião sumiu entre as nuvens azuis e iluminadas. Descemos e nos despedimos. Cada um seguiu seu destino levando você em nossoa pensamentos. No carro da tati, ouvíamos apenas o som do vento e do rádio.... Poucas palavras dissemos.. O sentimento abafou nossas vozes naquele momento.
Cheguei em casa e me ví tão sozinha. Senti falta de algo em mim. Um pedaço meu foi tirado,
Entrei para o banho e misturei lágrimas na água quente.
Enrolada na toalha vim aqui, relatar este primeiro dia de dor, alegria, esperança e muita, muita saudade!

Saudade que nada preencherá!!! Só você!!!
Ass: Michelle Senna (passarinha)"

2 comentários: