terça-feira, 3 de novembro de 2009

ele não veio

eu me levo pra tantos lugares que acabo me esquecendo pelas esquinas. talvez, hoje, eu não quisesse que você chegasse. queria mesmo era me encostar de corpo inteiro em um pedaço de chão que me cobrisse com todas as coisas. é hora de estar, não mais de ir e vir. e não me venha com esta cara de homem que sabe me ler. não há compreensão. não se engane com a sua capacidade de entendimento. eu costumo ser muitas coisas além de mim mesma.

Nenhum comentário:

Postar um comentário