terça-feira, 18 de maio de 2010

beijo de cílios

não havia nada mais importante do que ouví-lo. sentamos no mesmo lugar, num espaço grande, que só cabia nós dois. pouco me importava se o vento me cobria inteira. eu podia olhar nos olhos dele, que também olhavam os meus. era o melhor dos beijos, um encontro de retinas.

5 comentários:

  1. Oi Cecília, lembra de mim? Estou a rondar por aqui outra vez.
    Beijinho

    Giovanna

    ResponderExcluir
  2. claro que lembro! conte-me! por onde andou?

    ResponderExcluir
  3. Por ai... mas to de volta.
    Bjinhos

    Gi

    ResponderExcluir
  4. É de uma simplicidade encantadora :)

    ResponderExcluir
  5. Gi, que bom que está de volta. a gente é mesmo assim. um vai e vem permanente...

    Fernanda, você bem sabe. são os olhos dele que me deixam assim...

    ResponderExcluir