domingo, 2 de novembro de 2008

meu abraço em mim

Apaguei a luz. Acendi a vela. Incenso. A música começou a cantar. A cintura debaixo da roupa acompanhava o ritmo e dançava de uma ponta a outra sentindo cada movimento dos ossos. Eu olhava o reflexo no espelho, feito platéia de mim mesma. Criava cenas, pessoas, eu mesma. Arrepiava. A minha pele tocando a minha própria pele. Eu me abraçando e me fechando em mim mesma. Amo esses encontros...

4 comentários:

  1. quem nao ama ne?
    foi bom?
    hehehehe
    bjos.

    ResponderExcluir
  2. luzes apagadas
    som alto
    escuro na floresta
    debs , deitada na mesa da cozinha

    saudadessss

    ResponderExcluir
  3. com música ao fundo ninguém sabe o que pode acontecer, não é mesmo?

    ResponderExcluir