terça-feira, 26 de janeiro de 2010

pro nosso primeiro dia de ausência ele me mandou um coração. estava ali, desenhado na tela, e eu conclui que era o dele.

Nenhum comentário:

Postar um comentário